[DUVIDA] Quando usar capacitores? e por que?. Experimento motor DC


#1

Como sou iniciante no assunto, algumas dúvidas são constantes, entre elas é o motivo de usar um capacitor. Estava seguindo alguns tutoriais de um kit que comprei, para fazer funcionar um motor dc com uma mosfet. Na construção do tutorial ele recomendou o uso da bateria de 9v para alimentar o arduino e a saida Vin alimenta o motor dc. A bateria (VIN) estava ligada a um Capacitor que estava ligado a um regulador de 5v LM7805 e consequentemente a um capacitor de ceramica e seguia outros jumpers.

Eis que vem minhas dúvidas:

1 - nesse processo por que o uso do capacitor?
2 - em que ele vai influenciar?
3 - Se eu remover os capacitores e o regulador de tensão e ligar na USB do arduino que tbm tem 5v, não alimentaria do mesmo jeito?
4 - Tendo em vista que na usb ele fornece uma tensão de 5v e corrente de 500 mA e a bateria de 9v fornece uma corrente de 565 mAh, por que a bateria é mais indicada que a USB?

Novamente, perguntas iniciantes que muitas vezes me fazem “travar” na evolução do meu testes.


#2

O capacitor é como se fosse uma pequena bateria, mas diferente da bateria que usa química para armazenar energia, o capacitor armazena energia através de um campo eletromagnético (eletroestáticamente) que carrega e descarrega várias vezes num curto espaço de tempo.

O uso do capacitor vai prevenir flutuações na alimentação do motor, quando o motor começar a drenar demais e muito rápido, é provável que o circuito não consiga prover o necessário nesse espaço de tempo e o capacitor entra em ação corrigindo essa flutuação com a energia que ele já tem armazenada.

Sobre o restante das questões, eu vou deixar pra alguém mais capacitado e com tempo, porque tem alguns detalhes desse processo que, se fosse eu, não faria desse jeito, por exemplo, o Arduino já tem circuitos reguladores, independente do Arduino ser ligado através de uma fonte ou através de USB, cada porta do Arduino irá prover 5V e 20mA.

Para ligar o Motor DC num Arduino, geralmente vejo que se faz assim:

O transistor serve para aumentar a corrente repassada ao motor, já que ele precisa mais que 20mA para funcionar, e se não houver o transistor, há o risco de queimar a porta do Arduino e o diodo serve para prevenir retorno de energia, uma espécie de coice do motor e prevenir danos às portas do Arduino.


#3

Opa sksdutra, obrigado pelo auxílio, é que as vezes não sei quando deveria utilizar esse danado. Quanto a alimentar o motor dc eu estava usando uma bateria de 9v no vim e o capacitor para controlar essa possível flutuação. Só lembrando, estava seguindo o tutorial para poder ir aprendendo novas coisas no mundo da eletrônica.

Em relação ao transistor, ele aumenta a corrente passada em quanto?

Outro detalhe: se tiver 1 ou mais de 1 capacitores, influenciará em algo? tendo em vista que um unico capacitor cuida desse trabalho de flutuação/armazenamento ? quando devo usar mais de 1?


#4

Cada transistor tem sua função e pode variar conforme a ligação que se faz, o TIP120 é um transistor de potência:

TIP120
Specifications
VCEO Collector-Emitter Voltage : TIP120
IC Collector Current: 5A
Hfe Current Gain: 1000

Ou seja, o ganho de corrente estático pode ser de até 1000. Para maiores informações: Esta parte do Curso de Eletrônica Básica do Instituto Newton Braga.

Geralmente você decide o capacitor dependendo da aplicação, essa pergunta é muito profunda e eu aconselho a ler o Curso do Instituto Newton Braga de Eletrônica Básica, mais precisamente essa parte.


#5

poxa, muito obrigado, vou ver com calma esse curso.


#6

Filhow, no teu primeiro post você comparou a porta USB tendo 500mA e a bateria possuindo 565mAh. Esse é um erro comum, achar que mA e mAh são a mesma coisa (bem difícil explicar isso prá quem vende bateria de carro). mA é uma unidade de corrente de elétrica, mAh é uma unidade de capacidade (ou quantidade) de energia. São coisas bem diferentes. É como comparar aviões com bananas.
Um bateria de 565mAh não quer dizer que ela consegue fornecer somente 565mA, ela pode ser capaz de fornecer muito mais do que isso, ou muito menos, depende da construção. O que esta unidade quer dizer, é que se você drenar 565mA da bateria, ela se descarrega em 1 hora. Se drenar o dobro disso (1,13A) ela vai se descarregar em meia hora (0,5 horas * 1,13A = 565mAh), e assim por diante.


#7

Eu agradeço xultz, infelizmente minha área é desenvolvimento de sistemas, DIY é meu hobby e muitas dessas coisas de eletronica e afins eu infelizmente desconheço. Agradeço a explicação, já ajuda muito a evitar estar falando bobagens no fórum.


#8

Eu comprei os livros de Eletrônica Básica, Eletrônica Analógica e Eletrônica Digital do Instituto Newton Braga para aprender mais e verificar se o conteúdo eram os mesmos dos cursos gratuitos. Não são. Tem muito mais informação nos livros do Instituto, então, recomendo a quem se interessar em aprender um pouco mais de teoria e prática que adquira os livros.

Achei em um preço bom na JetEbooks. Para início: Eletrônica Básica + Eletrônica Analógica e depois Eletrônica Digital I e II, mais tarde dá pra ir adquirindo os outros livros opcionalmente, se desejar.

Não tenho nenhuma parceria com o Instituto ou com a livraria citada, mas como achei o material claro, de boa qualidade e fácil entendimento para quem quer iniciar, rever conhecimento ou se aprofundar e com um bom preço nesta empresa, estou recomendando.


#9

Comprei o de eletronica básica do gabriel torres, arduino em ação e primeiros passos com sensores, estou atualmente lendo o de eletronica básica e primeiros passos com sensores, muito bons por sinal. Posteriormente vou dar uma olhada no de arduino em ação que aprofunda um pouco mais sobre o material. Agradeço a recomendação.