Procuro parceiros para fabricar uma placa para IoT


#1

Pessoal, após muito tempo pesquisando na web, e acompanhando vários fórums, cheguei à conclusão que a comunidade maker do brasil (na verdade o brasil inteiro) está muito dependente de fabricantes internacionais, e tenho vários projetos -infelizmente- que estão na gaveta pois os custos de importação inviabilizam a sua conclusão, portanto, pensei em buscar parceiros para fabricarmos uma “spark core” no brasil, para quem nunca ouviu falar, visite http://www.spark.io , a plaquinha é genial, e open-hardware, com o software open-source, estou a tempos tentando “emplacar” este projeto aqui no brasil, mas não estou tendo muito sucesso sozinho, gostaria de saber se alguém possui interesse em tocar este projeto comigo


#2

Olá @Augusto_Diniz_Lisboa talvez seja falta de conhecimento da comunidade, seria uma boa oportunidade de você fazer uma postagem completa apresentando a Spark Core e suas possibilidades, assim quem sabe, no futuro, poderia haver um crowdfunding no Catarse para esse projeto? Eu mesmo estou preparando aos poucos alguns projetos(tempo pegando), para que, se houver interesse, procurar um financiamento coletivo para eles.


#3

A minha intenção é justamente essa, lançar um catarse para começar a produzir o “Faísca” (criatividade “0”, visto que a tradução de spark é faísca), mas pretendo sim, lançar uma campanha no catarse, mas preciso de parceiros (questão tempo mesmo, não consigo conciliar todos os projetos, vida pessoal, trabalho), essa é a minha idéia…


#4

Mas você quer fabricar no Brasil ou importar? Acho que não tem sentido fazer aqui no Brasil já que fazendo na china fica MUITO mais barato não?


#5

Augusto,
poderia me enviar um email ? rocha.euripedes at gmail com

A ideia do spark.io é de fato muito boa e acredito que existam oportunidades no Brasil.


#6

Augusto, também estou interessado no projeto.

meu email: mauricioliell@tintasliell.com.br

Abraço


#7

@jalf a questão de fabricação requer uma equação um pouco mais complexa. No primeiro momento é melhor fazer a produção localmente e evitar os riscos de ajuste com custos mais altos e ciclos um pouco mais longos, arredondando o projeto a produção na China, utilizando os parceiros cetros, é o caminho de fato.


#8

Discordo totalmente @Euripedes_Rocha. Se a hipótese do @Augusto_Diniz_Lisboa é que a comunidade Maker no Brasil está muito dependente dos estrangeiros (é verdade) e que isso (na teoria dele) inviabiliza projetos por causa do custo, posso afirmar que fabricar placas desse tipo no Brasil torna o custo ainda maior (não é a toa que a Spark é fabricada na china)…ou eu não entendi muito bem qual o propósito do projeto?
Por mim a solução é importar. É mais fácil e barato, se o custo é o problema.


#9

Entenda eu não disse que a fabricação local seja a alternativa mais barata sempre. A questão é que com o volume existe uma faixa em que a fabricação local começa a ficar competitiva e depois passa a perder de novo. A comunidade maker no Brasil na verdade ainda engatinha. No geral o pessoal fica preso a uma única alternativa e acaba sofrendo muito com a barreira do idioma, hoje minha visão é que o principal problema é “educação” no assunto, conhecer, explorar oportunidades diferentes e etc. Voltando ao assunto de produção no exterior, meu ponto é que ajustar e conhecer as capacidades do fornecedor e acompanhar a produção é importante no momento de saltar de uma dezena pra um milhar de unidades. É uma questão de estratégia de produção além de custo @jalf.


#10

Desculpe, então não entendi qual o propósito do projeto, mas torço para que dê certo :slight_smile:


#11

Ei, mas eu não estou colocando o propósito do projeto que é do @Augusto_Diniz_Lisboa, só estou fazendo algumas considerações sobre produção :slight_smile:


#12

Pessoal, boa noite, sim, a minha idéia é a produção local, a maioria dos componentes é encontrada facilmente por aqui, vamos do começo, a idéia é “começar do zero - com um know-how extenso”, sim, para uma grande escala, claro que produzir na china “sai mais barato”, mas a que CUSTO? Sim, sou um pouco bairrista, prefiro pagar 10 a 15% a mais, sabendo que um produto é produzido na minha vizinhança, do que comprar um produto de fora.

Vamos discutindo por aqui, toda opinião é válida,


#13

Na verdade no geral não é 10 a 15 por cento, no mínimo 60 podem chegar a 100 por cento


#14

Sim, claro, mas pelos meus estudos (sim, acredito que eu esteja bastante avançado nos estudos de mercado), inclusive estou planejando montar a linha de montagem aqui em minha cidade, onde consigo alguns incentivos beeem interessantes para a futura empresa, Com isso, acredito conseguir manter nessa margem -justa- de 10% a 15% de diferença do produto fabricado aqui, em comparação ao importado pelos meios legais (não estou falando de contrabando).


#15

Amigo, eu também comprei algumas plaquinhas Spark.io e gostei bastante. A questão da fabricação local envolve a aquisição de maquinários bem caros e pesados para a produção de microchips, soldagens, etc… Algo que tenho bastante interesse, mas não conheço o caminho das pedras. Sei que a Samsung fornece equipamentos para a linha industrial para montagem de circuitos… E de fato estamos cada vez mais dependentes dos chineses… isso é fato !


#16

@zolalab você não precisa adquirir todo o maquinário e fazer a montagem in-house. Há diversas empresas no Brasil que fabricam placas e algumas efetuam a montagem. Montar o parque inteiro exige um investimento que não se faz necessário.


#17

Bom dia Augusto! Venho lhe oferecer meu serviços, caso tenha interesse acesse:
www.projetosdegaragem.com.br
Entre em contato que estou a disposição. Faço placas de circuito impresso sem quantidade mínimas a baixo custo e também se precisar efetuo a montagem de protótipos.


#18

Amigo, bom dia, de fato estou formando o “time” para desenvolvermos os “projeto faísca”, não estou pensando em primeiro momento fabricar todos os componentes (mcu, chip wifi, etc…) e sim, somente a montagem da placa final, este seria o primeiro passo somente, visto que 60% dos componentes são facilmente encontramos aqui, prontos e à venda…


#19

Vou entrar em contato em breve amigo, muito obrigado!!!


#20

Boa tarde Srs.
Posso auxiliar na cotação da fabricação de um lote iniial.
Porém devo alertar que esses projetos, a exemplo do arduino, podem sim ter sucesso, em nível global.
Restringir a uma comunidade brazuka, com material PT-BR, é também restringir o sucesso dele.