Validar ideia - Venda de peças


#1

Estou pesquisando a viabilidade de iniciar uma loja virtual para venda de acessórios como: arduíno, raspberry pi, beaglebone, shields entre outros. A ideia da loja é focar na área do nordeste, especificamente Salvador e cidades vizinhas.

Mas, preciso saber o que vocês pensam e o que querem quando desejam comprar algum material desse?

Se possível, respondam rapidinho minha pesquisa. Agradeço qualquer ajuda!!


#2

Respondi a sua pesquisa, acho que está no caminho certo a sua loja, iniciando a vender famosos sistemas embarcados, placas Arduino, shields e etc, não sou proprietário ou administrador de nenhum negócio deste tipo, mas acho que devem ser os itens de maior saída, desde que você não venda falsificações é um ótimo início.

No futuro, acho interessante expandir para componentes, materiais e consumíveis, como motores, sensores, placas virgens, químicos, cabos, soldas, ferros de solda, estações de solda, osciloscópio, resistores, capacitores, relays e etc… (acho que deu para entender…)

Mais tarde, quem sabe… impressoras 3D e fresadoras, assim como material de consumo para estes itens.

Uma coisa que eu sinto bastante falta neste tipo de loja e não é só em lojas nacionais, é que em geral elas não vendem os controladores e pld’s assim como os programadores (nem que sejam os clones) para quem deseja fazer projetos bare metal, nem que sejam apenas os utilizados pelo Arduino, acho que tem que ter estoque, como é o caso do ATmega328, ATMega32U4 e etc…

Em geral, tenho que importar este tipo de componente da china ou pagar um pesado frete para lojas como a Mouser, que fica em torno de $40,00… Se tivesse uma loja nacional com um bom estoque a um preço justo, acho que preferiria comprar por aqui. Não é todo mundo que quer colocar uma placa desnecessariamente grande, como é a placa do UNO/Leonardo em seu projeto ou produto…


#3

Valeu @sksdutra! Deu pra ter uma ideia bem legal do que é preciso agora e já futuramente! :wink: Obrigadão.

Queria apenas lembrar que só porque a ideia é para o Nordeste, não quer dizer que outros possam participar da pesquisa.


#4

Olá,
Atuar numa loja de eletrônicos no Nordeste tem um grande potencial de mercado devido a baixa concorrência. Sou de Natal-RN e já vendi informalmente alguns componentes de eletrônica como arduinos e shields. Como o @sksdutra falou, são componentes que tem uma boa demanda e a tendência é que você consiga vende-los de forma rápida.
Sobre os negócios, no meu caso iniciei com risco 0, o comprador efetuava a compra e eu enviava o produto do fornecedor diretamente para o usuário, tendo a vantagem do frete grátis e a desvantagem da demora (teve produto que chegou em 8 dias, teve produto que chegou em 72 dias), depois procurei ficar com pequenos estoques e quando fossem ficando pequenos iria renovando-os.
Tente, com suas vendas iniciais ir tendo um feedback dos compradores se tratando dos produtos de maior busca para assim você ir aos poucos aumentando a variedade do seu negócio. Aqui no Brasil além dos vendedores clássicos como o [Robocore][1] e o Lab de garagem eu já fiz diversas compras no [Solda Fria][2] (o qual pode servir para lhe ajudar a ter uma noção de site de vendas de eletrônicos).

Let’s Rock!
[1]: https://www.robocore.net/
[2]: http://www.soldafria.com.br/


#5

@Hegaja cara muito obrigado pela resposta! Vocês tem me dado um bom horizonte quanto a como e ao quê fazer … estou montando a loja e em breve espero já poder falar ainda nesse post - se tiver autorização - o nome da loja e o endereço dela. :smile:

E realmente o caso do Frete inicialmente possa ser um problema … mas espero que seja sanado o mais rápido possível.


#6

Olá,
Um dos diferenciais que fiz foi o acompanhamento do produto ate chegar nas mãos do cliente, a maioria dos pequenos negócios da net passa o código de rastreio e esquece o cliente, no meu caso como o produto vinha do exterior eu atualizava o cliente quando o produto chegava no Brasil, chegava na região dele e após o produto ser entregue. Não falava muita coisa, porém o fato de demonstrar que está acompanhando o cliente gera uma satisfação muito grande por parte dele.

Let’s Rock!