Projeto Extensor Touchscreen para Celular


#1

Olá! Estou trabalhando em um projeto de um acessório para games de celular, que é basicamente um controle externo com interface direto na tela touchscreen, sem usar bluetooth, USB, Wifi… E que funciona da seguinte forma: terminais são posicionados na tela e conectados até um “botão condutor” por um fio, e então, quando o botão for tocado com o dedo a tela do celular deve responder ao toque. Em outras palavras estou apenas fazendo uma extensão do touchscreen.

No entanto, sou leigo em eletrônica e estou tendo dificuldade, preciso fazer a “extensão do touch” descrita acima com um fio de 75cm, mas só consigo fazer o botão funcionar com fio de 6 ou 7cm, pois quando uso um fio maior que isso a tela já responde sozinho só de tocar o fio no terminal mesmo sem tocar o dedo na outra ponto do fio.

Imagino que o problema seja por causa da estática ou das ondas eletromagnéticas do ambiente, então tentei blindar o fio enrolando papel alumínio, mas não funcionou.

Estou usando fio sólido de cabo de rede.

Alguém tem alguma ideia de como posso resolver isso? Pois já não sei mais o que fazer. Obrigado!

IMG_20190311_111015161


#2

As telas de touch screen modernas são capacitivas, fio não vai funcionar.


#3

Mas funciona certinho com um fio de 6 cm, só tocar na ponta do fio que a tela responde.


#4

Como eu disse, são sensores capacitvos… fios não vão funcionar…
A essa distancia você provavelmente terá de fazer um sistema mecânico que toque de fato na tela.


#5

Acho que vc está confundindo, o touchscreen resistivo é que é sensível a pressão, o capacitivo não responde a pressão somente a indução elétrica.


#6

Ok, não vou discutir, mas eu lido com eletrônica desde 1975…
Não estou confundindo, eu conheço o princípio de funcionamento de cada sistema, e por isso dei a resposta que dei…


#7

Veja vc mesmo:


#8

Para não deixar a coisa “no ar”, eu me referi a TOQUE e não a PRESSÃO na tela.
O sensor capacitivo é de fato um capacitor, que tem suas características elétricas alteradas quando um dielétrico se aproxima, no caso o dedo ou uma “caneta” especial.


#9

Alimentar um LED com 5v DC vai de boa, tente fazer isso a alguns metros de distância, não vai ter corrente suficiênte para chegar até o LED.

Acredito que Ludicon tentou te dizer é que a 70 cm de distância do smartphone vai ter que pressionar um botão*, eses por sua vez vai acionar um dispositivo mecânico para tocar um material condutor na tecla touch.

  • pode ser até um outro sensor capacitivo

#10

Exatamente, o sensor capacitivo detecta a mudança de constante dielétrica no “ambiente próximo”.


#11

Ha sim, agora entendi o que o Ludicon quis dizer! Desculpe minha falta de atenção!


#12

O Problema é que será inviável fazer um sistema mecânico que toque na tela.
Pensei em usar um material para isolar parcialmente o terminal na tela, só o suficiente para que o fio deixe de induzir, e então quando o botão externo for pressionado será induzida uma tensão no fio por uma pilha 1,5v para atravessar o material isolante e executar a ação na tela!

Será que isso funcionaria?


#13

Não, não vai funcionar infelizmente. A Física da coisa não é assim, o isolante não tem nenhum efeito nesse caso.


#14

Se tiver uma sugestão eu aceito!


#15

A minha sugestão continua a mesma lá de cima, não tenho outra…


#16

Acabo de desenhar alguns teclados capacitivos ,(so procurar por rudgetech ttp229 no mercadolivre).Na maioria dos casos os controladores de touch capacitivo, contam com seu dedo e sua mão criando um campo com uma dielétrica caraterística do corpo humano, isso para que seu celular nao seja acionado por moedas e chaves no seu bolso.

Tenta 2 coisas:

  1. Aumentar o contato com a palma da sua mão através de um material com um filme de alumínio.
    2.ligar o gnd do seu celu com um fio no gnd da saida usb direto a seu corpo com um resistor.